LAGOS PLITVICE

O espetacular parque nacional da Croácia, com cachoeiras e lagos verdes e azuis

Publicado em: 03/10/2018

Quando fui: Agosto de 2010

 

Quanto tempo: 1 dia

Para um parque nacional ter sido um dos grandes destaques de uma viagem em que o foco era praia e festa, é porque não é um parque qualquer. Com uma paisagem natural espetacular, dezenas de cachoeiras e lagos verdes e azuis, com a água que muda de cor de acordo com a luminosidade, o Parque Nacional dos Lagos Plitvice (Plitvicka Jezera, em croata, ou Plitvice Lakes, em inglês) é um destino que precisa ser incluído de qualquer forma no roteiro de uma viagem a Croácia, seja lá qual for o seu estilo de viajante.

 

Fui ao Plitvice em agosto de 2010, quando viajava com um grupo de amigos pelo país e também fomos a Zadar, Novalja, Hvar e Split. Confesso que não foi fácil perder um dia em uma cidade de praia com baladas boas, houve resistência no grupo antes de deixarmos o litoral croata rumo ao interior dos Balcãs. Mas a beleza do parque é tão impressionante que no final foi unanimidade a conclusão de que o “sacrifício” valeu a pena. Saímos ganhando ao conhecer um dos lugares mais belos da Europa e de todo o planeta. Não à toa, o Plitvice está na lista das Top 10 Belezas Naturais do Bora Viajar Agora.

 

Para conhecer o parque, que tem uma área consideravelmente grande de 300 km2, existem diversas trilhas, com percursos que variam de duas a oito horas de caminhada. Estivemos por lá no verão, e os lagos ficam mais coloridos em dias de sol. Mas o Plitvice continua bonito em todas as estações do ano, como quando as árvores e folhas verdes dão lugar à cor do outono, ou quando ele fica branco de neve e parcialmente congelado no inverno. Obviamente, vale evitar os dias de chuva.

           TRANSPORTE:

 

O parque dos Lagos Plitvice fica localizado no caminho entre a capital Zagreb e Zadar, a 130 km de cada uma delas, trajeto feito em cerca de duas horas de estrada. Já Split fica a 250 km de distância, ou aproximadamente três horas e meia de carro. Saindo de qualquer uma dessas três cidades, é possível fazer um bate-volta no mesmo dia para conhecer o parque. Existem ônibus (veja aqui os horários e preços) que vão até o Plitvice, mas alugar carro pode ser uma boa opção se estiver em mais gente. Também há várias agências de turismo que oferecem excursões de um dia a partir das principais cidades da Croácia. Quando fomos lá, estávamos em um grupo de dez amigos. Então, fechamos uma van saindo de Novalja até o parque, o motorista ficou esperando lá fora e depois nos levou para Zadar. Para quem tiver mais tempo disponível e quiser dormir ali por perto, existem hotéis que ficam no parque ou em pequenas cidades logo ao lado.

             O PARQUE NACIONAL:

 

O Parque Nacional dos Lagos Plitvice tem uma área de 300 km2 e conta com 16 lagos, diversas cachoeiras de diferentes tamanhos e muita vegetação. Praias à parte, este imenso espaço verde é uma atração imperdível na Croácia. O complexo é dividido em duas partes: lagos superiores (12 lagos) e lagos inferiores (quatro lagos). Os preços dos ingressos variam conforme a época do ano. No auge do verão, em julho e agosto, custa 250 kunas (33 euros) a tarifa inteira. Já nos meses de abril, junho, setembro e outubro, sai por 150 kunas (20 euros), e no inverno, de novembro a março, custa 54 kunas (7 euros). Os tickets podem ser comprados em qualquer uma das três entradas do parque, menos no inverno, quando apenas uma fica aberta. Neste valor, está incluso também o barco elétrico, que cruza os lagos maiores, e também o que eles chamam de trem panorâmico, que na verdade é uma espécie de ônibus.
 

Esses dois transportes internos são úteis para cortar trechos bem extensos do parque. Na maior parte do tempo, a caminhada é feita sobre trilhas no meio das árvores e sobre passarelas de madeiras feitas entre os lagos, bem perto da água. Como opções para passear no Plitvice, existem oito diferentes trilhas, nomeadas de A a H e bem demarcadas com placas, que agradam desde os mais preguiçosos até os mais atletas. A mais curta delas tem 3,5 km de extensão e duas a três horas de duração, e a mais longa tem 18,3 km e demora de seis a oito horas. Apesar das distâncias, nenhuma é de nível difícil, já que são poucas subidas e descidas. Fizemos uma trilha intermediária, que passou pelos principais lagos inferiores e superiores e várias cachoeiras.
 

O parque conta com alguns mirantes que rendem boas fotos panorâmicas, uma caverna vertical e a “Great Waterfall”, a maior cachoeira da Croácia com 78 metros de altura, ponto de passagem obrigatória durante o passeio. O Plitvice também conta com boa estrutura, restaurantes, lanchonetes e espaços para comer ao ar livre. No final das contas, valeu muito a pena ter ido pra lá. “Perdemos” um dia de praia, mas ganhamos um dia num dos lugares mais espetaculares do mundo.

- FAÇA AQUI A SUA RESERVA PELO BOOKING.COM OU HOSTELWORLD.COM

              IMPERDÍVEL:

 

- Por mais que as praias e festas da Croácia sejam tentadoras, reserve um dia para ir ao interior do país e conhecer o espetacular parque dos Lagos Plitvice.

QUER SABER MAIS SOBRE PLITVICE? ACESSE TAMBÉM:

 

- Site oficial do parque

 

- Blog Escolha Viajar

 

  • Facebook Social Icon
  • Instagram
  • Twitter Social Icon
  • YouTube ícone social

@BoraViajarAgora

PESQUISAR

PARCEIROS

- PLANEJE SUA VIAGEM POR AQUI:
Pesquise e faça suas reservas pelos links abaixo. Você não paga NADA a mais por isso, e o Bora ganha uma pequena porcentagem!

RESERVE SEU HOTEL

FAÇA SEU SEGURO

ALUGUE SEU CARRO

COMPRE SEU PACOTE

COMPRE SEU INGRESSO

Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados - BORA VIAJAR AGORA

Todo o conteúdo do Bora Viajar Agora está protegido pela LEI DO DIREITO AUTORAL, Nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998. Portanto, é vedada qualquer reprodução ou divulgação dos textos e imagens, com ou sem fins lucrativos, em qualquer meio de comunicação, inclusive na WEB, sem consulta e aprovação prévia dos editores.